Pages


Pequenas ações pra proteger o meio ambiente

0

"A proteção ao meio ambiente não é um assunto atual, mas as propostas de mudanças só vieram a ser feitas há uns dez anos. Se você é mais uma das tantas pessoas em nosso país que realmente se importa com o meio ambiente, e quer ver o mundo mudar para melhor, então veja as dicas que vamos passar"



Fonte: sxc.hu

1. Tampe suas panelas enquanto cozinha 

Parece óbvio, não é? E é mesmo! Ao tampar as panelas enquanto cozinha você aproveita o calor que simplesmente se perderia no ar.

2. Use uma garrafa térmica com água gelada 

Compre aquelas garrafas térmicas de acampamento, de 2 ou 5 litros. Abasteça-a com água bem gelada com em bandeja de cubos de gelo pela manhã. Você terá água gelada até a noite e evitará o abre-fecha da geladeira toda vez que alguém quiser beber um copo d'água 

3. Aprenda a cozinhar com panela de pressão 

Acredite, é possível cozinhar tudo em panela de pressão: Feijão, arroz, macarrão, carne, peixe, etc. Muito mais rápido e economizando 70% de gás. 

4. Cozinhe com fogo mínimo

Se você não faltou às aulas de física no 2º grau você sabe: Não adianta, por mais que você aumente o fogo, sua comida não vai cozinhar mais depressa, pois a água não ultrapassa 100ºC em uma panela comum. Com o fogo alto, você vai é queimar sua comida. 

5. Antes de cozinhar, retirar da geladeira todos os ingredientes de uma só vez 
Evite o abre-fecha da geladeira toda vez que seu cozido precisar de uma cebola, uma cenoura, etc.

6. Coma menos carne vermelha 

A criação de bovinos é um dos maiores responsáveis pelo efeito estufa. Não é piada. Você já sentiu aquele cheiro pavoroso quando você se aproximou de alguma fazenda/criação de gado? Pois é: é metano, um gás inflamável, poluente, e mega fedorento. Além disso, a produção de carne vermelha demanda uma quantidade enorme de água. Para você ter uma idéia: Para produzir 1 kg de carne vermelha são necessários 200 litros de água potável. O mesmo quilo de frango só consome 10 litros. 

7. Não troque o seu celular

Já foi tempo que celular era sinal de status. Hoje em dia qualquer um pode ter. Trocar por um mais moderno para tirar onda? Ninguém se importa. Fique com o antigo pelo menos enquanto estiver funcionando perfeitamente ou em bom estado. Se o problema é a bateria, considere o custo/benefício trocá-la e descartá-la adequadamente, encaminhando-a a postos de coleta.

9. Use somente pilhas e baterias recarregáveis 

É certo que são caras, mas ao uso em médio e longo prazo elas se pagam com muito lucro. Duram anos e podem ser recarregadas em média 1000 vezes. 

10. Limpe ou troque os filtros o seu ar condicionado 

Um ar condicionado sujo representa 158 quilos de gás carbônico a mais na atmosfera por ano. 

11. Troque suas lâmpadas incandescentes por fluorescentes 

Lâmpadas fluorescentes gastam 60% menos energia que uma incandescente. Assim, você economizará 136 quilos de gás carbônico anualmente.

12. Escolha eletrodomésticos de baixo consumo energético 

Procure aparelhos com o selo do Procel (no caso de nacionais) ou Energy Star (no caso de importados). 

15. Descongele geladeiras e freezers antigos a cada 15 ou 20 dias 

O excesso de gelo reduz a circulação de ar frio no aparelho, fazendo que gaste mais energia para compensar. Se for o caso, considere trocar de aparelho. Os novos modelos consomem até metade da energia dos modelos mais antigos, o que subsidia o valor do eletrodoméstico a médio/longo prazo. 

16. Use a máquina de lavar roupas/louça só quando estiverem cheias 

Caso você realmente precise usá-las com metade da capacidade, selecione os modos de menor consumo de água. Se você usa lava-louças, não é necessário usar água quente para pratos e talheres pouco sujos.
Só o detergente já resolve. 

18. Tome banho de chuveiro entre 10 a 15 minutos 
Um banho de banheira consome até quatro vezes mais energia e água do que um chuveiro.

19. Use menos água quente 

Aquecer água consome muita energia. Para lavar a louça ou as roupas, prefira usar água morna ou fria. 

20. Pendure ao invés de usar a secadora 

Você pode economizar mais de 317 quilos de gás carbônico se pendurar as roupas durante metade do ano ao invés de usar a secadora.
23. Reduza o uso de embalagens

Embalagem menor é sinônimo de desperdício de água, combustível e recursos naturais. Prefira embalagens maiores, de preferência com refil. Evite ao máximo comprar água em garrafinhas, leve sempre com você a sua própria. 

30. Ande menos de carro

Use menos o carro e mais o transporte coletivo (ônibus, metrô) ou o limpo (bicicleta ou a pé). Se você deixar o carro em casa 2 vezes por semana, deixará de emitir 700 quilos de poluentes por ano. 
42. Considere trocar seu monitor

O maior responsável pelo consumo de energia de um computador é o monitor. Monitores de LCD são mais econômicos, ocupam menos espaço na mesa e estão ficando cada vez mais baratos. O que fazer com o antigo? Doe a instituições como o Comitê para a Democratização da Informática.

47. Instale uma válvula na sua descarga 

Instale uma válvula para regular a quantidade de água liberada no seu vaso sanitário: mais quantidade para o número 2, menos para o número 1! 

49. Regue as plantas à noite

Ao regar as plantas à noite ou de manhãzinha, você impede que a água se perca na evaporação, além do que as plantas geralmente durante o dia (ainda mais quando tem muito sol) não sugam a água do solo e também evitam choques térmicos que podem agredir suas plantas. 

51. Vá de escada 

Para subir até dois andares ou descer três, que tal ir de escada? Além de fazer exercício, você economiza energia elétrica dos elevadores. 

0 comentários:

Postar um comentário